terça-feira, 1 de setembro de 2009

Tristeza...

Acabei se saber que uma pessoa querida se suicidou... Fiquei pasma. Ainda estou. Estava sabendo que ela não andava bem, mas chegar a este ponto... Paro para pensar porque as pessoas estão assim. As coisas realmente estão difíceis. Alimentação, dinheiro, convivência, assaltos, falta tudo, até alguém que possa nos escutar quando precisamos... As vezes nos faltam estas pessoas, este "ombro amigo". Precisamos de colo!!! Com o passar dos anos a idade chegando, percebemos o quanto isto vai ficando pior. O relacionamento famíliar quanto amoroso vai se degradando. As mudanças após momentos traumáticos como perda de entes queridos, sei lá... tudo vai ficando vazio. É aí que precisamos parar e repensar nosso intimo e nos treinar para o futuro. Que não sabemos como será. Bom seria uma terapia, mas como se o custo é tão alto? Não percebemos o quanto uma palavra amiga nos faz bem. Seja lá o que foi que a fez agir assim, só posso dizer: Amiga, seja feliz onde estiver, você fará muita falta, tanto para os seus amigos, quanto para sua família. Tenho certeza disso!

"Dar fim à própria vida, abrir mão de todas as possibilidades, por uma possível paz, é o caminho que muitos seguem, de forma consciente ou não..." por Francisco Aranda Gabilan.

http://www.ippb.org.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

VOLTE SEMPRE !!!