segunda-feira, 19 de abril de 2010

ORAÇÃO DOS INDIOS SIOUX....

Grande espírito cuja voz distingo nos ventos
E cujo sopro dá vida ao mundo inteiro,
Ouve-me...

Ponho-me na tua frente
Como um dos teus inúmeros filhos
Vê, sou pequeno, sou fraco,
Preciso da tua força
Preciso do teu saber.

Deixa-me caminhar na beleza
E deixa os meus olhos sempre contemplarem
O purpúreo por do sol

Que minhas mãos zelem
Pelas coisas que criastes
E que meus ouvidos ouçam
A tua voz

Fazei-me sábio, para eu aprender
As coisas que ensinastes ao meu povo
E que ocultaste em cada folha,
Em cada pedra.

Não desejo a força
Para impor-me aos meus irmãos
Desejo-a para poder lutar
Contra o meu inimigo
Eu próprio...

Fazei com que eu esteja sempre pronto
Para que eu possa ir ao teu encontro
De mãos limpas e olhos leais.

E quando o meu espírito se for
Assim como se vai o sol ao fim do dia
Possa ele chegar a ti
Sem precisar se envergonhar.

Saudações Florestais !

Nenhum comentário:

Postar um comentário

VOLTE SEMPRE !!!